FISIO NEWS

31MAR

PROTOCOLO DE REABILITAÇÃO ACELERADA PÓS RECONSTRUÇÃO DO LCA

O protocolo de reabilitação acelerado, em pacientes que realizaram a cirurgia de reconstrução do ligamento cruzado anterior, é de fundamental importância nos paciente que necessitam recuperar a capacidade de realizar as tarefas básicas em sua vida cotidiana, como andar sem auxílio de muletas, subir escadas, dirigir, o mais breve possível. Além disso, possibilita de maneira precoce, retorno à sua vida esportiva, amadora ou profissional, tendo condições de praticar as atividades físicas que mais lhe agradam ou necessitam.

Este processo de Reabilitação Acelerado depende inicialmente da escolha da técnica cirúrgica utilizada e do tipo de enxerto que será implantado dentro do joelho por via artrocópica (minimamente invasiva) para fazer às vezes do ligamento cruzado anterior.

 

Para utilizar de forma plena nosso protocolo de reabilitação acelerada temos optado atualmente pelo enxerto do tendão patelar contra-lateral (do joelho não machucado), pois permite ao fisioterapeuta iniciar precocemente exercícios de fortalecimento dos músculos da coxa e do quadril, sem um risco grande de estresse ao novo ligamento, visando o retorno mais rápido do paciente às atividade esportivas. Além disso, verificamos dor de menor intensidade nos primeiros dias de pós-operatório, facilitando a reintrodução precoce das atividades cotidianas e menos tempo de utilização de muletas. Este tipo de procedimento é amplamente utilizado em alguns serviços de referência nos Estados Unidos, tendo comprovação científica da sua eficácia.

Observação: Indicamos a utilização de enxerto de tendões flexores (semi-tendíneo e grácil) em mulheres (fatores estéticos), pacientes com baixa exigência física (porém com joelho instável), e na opção (vontade) do paciente.

Objetivos:

- Potencialização e Equilíbrio Muscular

- Desenvolvimento da coordenação motora

- Reeducação esportiva

- Recuperação das funções que levam o paciente a ter uma autonomia de locomoção o mais rapidamente possivel, como andar e dirigir sem auxílio de dispositivos como muletas.

- Retorno precoce e sem riscos as atividades esportivas

É importante ressaltar que a adesão do paciente deve ser total, sendo que nos primeiros dias as sessões devem ser diárias, havendo espaçamento entre as mesmas de acordo com a sua evolução e o alcance dos objetivos.

 

Dr.Eduardo Almeida-Médico Especialista em Cirurgia de Joelho e Med.Esportiva

Dr.Alexandre R.Alcaide-Fisioterapia Esportiva

Voltar